Atletas do vôlei criam clube para ajudar na transição para o veganismo!

Atleta vegana Batom vegano Fernandinha Fofinha Greenperformance Make vegana Vôlei

Como vocês devem ter acompanhado nas redes sociais, o VegFest foi um sucesso!

Conhecemos muita gente legal e engajada compartilhando os mesmos princípios que nós. Entre essa turma, as atletas do vôlei Fernandinha e Ana Paula (Fofinha) se destacaram por seu carisma e pelo incrível projeto Green Performance, que você vai saber mais nessa entrevista!

Green Performance

Fernandinha e Fofinha, falem um pouco da carreira vocês e como vocês se conheceram.

Nós somos da mesma geração, mesma idade, hoje temos 37 anos. Nos conhecemos nas categorias de base da seleção brasileira, em 1996. Fomos a primeira seleção a ser campeã mundial infanto-juvenil no vôlei feminino. Até 1999 convivemos direto devido a seleção e foi lá que iniciou a nossa amizade. Apesar de durante a carreira não termos jogados na mesma equipe, exceto esse ano em Curitiba, nossa amizade foi sempre se fortalecendo com o tempo.

Em que momento vocês decidiram se tornar veganas?

Nós duas nos tornamos veganas por meio da informação, quando realmente vimos como era a criação dos animais e seus produtos para o consumo. Foi uma mudança rápida, nenhuma de nós teve período de adaptação, viramos veganas de uma refeição para a outra. Apesar de não termos conversado sobre o assunto na época, foi no mesmo período de nossa carreira que fizemos essa transformação, que acabou nos aproximando ainda mais. 

Como isso influenciou no trabalho? Melhorou?

O veganismo além de nos deixar mais felizes, também nos trouxe muitos benefícios relacionados ao nosso treinamento. A recuperação entre um treino e outro melhorou, a disposição, menos inflamações, menos dores, diminuição da gordura corporal. Nos tornamos ainda mais saudáveis. Importante dizer que não prejudicou de maneira alguma aquilo que já tínhamos bons índices.

Quais benefícios vocês sentiram no humor ou energia depois que mudaram a alimentação?

Eu diria que nos sentimos o tempo todo mais leve, a energia flui e transita com mais facilidade. Nos tornamos menos agressivas e com mais disposição para fazer as tarefas do dia a dia. 

Foi preciso ter algum cuidado específico com a mudança na alimentação, já que vocês são atletas e possuem um ritmo intenso de treino, principalmente perto dos jogos?

Sim, tivemos o acompanhamento de nutricionistas, com especialização em alimentação vegetariana e nutrição desportiva. A alimentação é tão importante quanto o treino e devido a carga alta de treinamento, precisávamos ter certeza que estávamos ingerindo todos os nutrientes e quantidade certa que nosso corpo precisava. É preciso um tempo para se conhecer e entender as novas necessidades. A preocupação não é maior com o jogo e sim em fornecer energia necessária para alto volume diário dos treinamentos. 

E como surgiu a ideia de criar o Green Performance?

A ideia da Green Performance surgiu em função do número de pessoas que nos procuravam para receber orientação em relação a alimentação, pedindo ajuda, pois estavam se tornando veganas, querendo saber como era em relação aos treinamentos...decidimos então criar algo para que pudéssemos auxiliar as pessoas de uma maneira mais profissional, com suporte de profissionais, garantindo a saúde das pessoas, facilitando essa transição, dando orientações de produtos que já tínhamos experimentado e aprovado. Dessa maneira surgiu a Green Performance.

Qual o principal objetivo de vocês com esse clube de vantagens vegano?

Com a Green Performance queremos facilitar a transição para o vegetarianismo, garantir a saúde das pessoas, garantir o desempenho para os atletas. Divulgar os benefícios da alimentação vegetariana. Promover a saúde e dessa maneira fazer as pessoas mais felizes!!!

E quais são os primeiros passos para quem quer fazer esta transição?

Informação. Mesmo com o auxilio da nutricionista, acho importante a pessoa entender aquilo que está comendo e onde encontrar os nutrientes que precisa. Conversar com pessoas que já sejam veganas, esse suporte é bastante importante. 

Quais assuntos vocês mais abordam nas palestras?

Falamos de nossas experiencias como atleta profissional e veganas, como foi nossa transição e a reação das pessoas. Os benefícios que a alimentação vegetariana nos trouxe, relação com a saúde e como servimos de exemplo para quebrar os tabus em relação a dependência da proteína animal.

Deixem um recado para nossas Face It Lovers! 

Desejo que todas continuem cada vez mais lindas usando esses batons maravilhosos!!! Estamos muito felizes de poder ter dividido um pouco da nossa história com vocês!
Um beijão!

 Fofinha    Fernandinha

 


Postagem anterior Postagem seguinte


Deixe um comentário

Shopify secure badge